Faça a diferença na vida de milhões de pessoas

Baixe nosso relatório e saiba mais sobre a relação entre o gado ilegal na Amazônia e a JBS

Relatório "Da Fazenda à Floresta" revela que gado bovino criado ilegalmente em áreas protegidas da Amazônia entrou na cadeia de fornecimento da JBS.

Diga à JBS para não comprar gado ilegal da Amazônia!

Peça à JBS que implemente um sistema de monitoramento eficaz até o final de 2020, incluindo seus fornecedores indiretos.

Assine a newsletter da campanha Nossas Vidas Importam

Assine nossa newsletter e receba quinzenalmente atualizações sobre as ações da campanha Nossas Vidas Importam

Mais Ações
Seja um Defensor
da Liberdade
Doe agora
Junte-se à Anistia

Faça parte desse movimento global.

Faça parte

Assine a Newsletter

Fique por dentro das notícias da Anistia Internacional Brasil.

Obrigado por se cadastrar, em breve você receberá mais informações da Anistia Internacional Brasil.

Notícias

30.07

Magai Matiop Ngong deixa corredor da morte

O Supremo Tribunal do Sudão do Sul retirou na quarta-feira, 29 de julho, Magai Matiop Ngong do corredor da morte, depois de ter sua pena de morte anulada no dia 14 de julho.

27.07

Anistia Internacional exige o fim de investigações sigilosas contra críticos do governo federal

Exigimos o fim de toda e qualquer investigação secreta e ilegal contra opositores do governo federal, como a que foi noticiada recentemente.

25.07

Empresa critica uso de suas auditorias pela JBS na Amazônia

Empresa contratada pela JBS para auditar sua cadeia de fornecimento entre 2017 e 2019, criticou a empresa por ter declarado falsamente que operações na amazônia não causam desmatamento .

Mais notícias

Blog

02.08

Proibição de ações policiais teria poupado a vida de João Pedro

É importante refletir sobre quantas vidas poderiam ter sido preservadas se esta medida de suspensão das incursões policiais estivesse em vigor desde o início da pandemia da COVID-19, em março.

24.07

Mulheres potentes construíram nossas lutas, mas é preciso ir além

Nossos ombros, nossas mãos, nossos compromissos precisam resultar em melhores condições para todas e não apenas para algumas entre nós. Seguiremos juntas?

Mais Posts

VOZES PELOS
DIREITOS HUMANOS

O mês de junho trouxe à luz os desafios que temos, como país, para romper definitivamente com a herança escravocrata ainda tão ligada ao trabalho doméstico.