Escreva por Direitos 2018 | Materiais de Educação em Direitos Humanos

Imprimir
10 de outubro de 2018 Defensores de direitos humanos Mulheres
MÃO ESCREVENDO CARTA

Anualmente, a Anistia Internacional realiza a Escreva por Direitos, uma campanha global que promove mudanças na vida de pessoas e comunidades de diferentes partes do mundo onde ocorrem abusos de direitos humanos. É a maior campanha de direitos humanos no mundo! A organização seleciona casos de pessoas e comunidades vítimas de violações de direitos humanos ou em risco iminente de sofrer violações ao redor do mundo, e convida apoiadores, apoiadoras e ativistas a entrarem em ação por esses casos através de chamados de ação e solidariedade global nos quais pessoas planejam e realizam atividades diversas, mobilizando suas comunidades, suas famílias, seus amigos e amigas, a escreverem e assinarem cartas, manifestando solidariedade e pressionando as autoridades por justiça.

.

Em 2018, a Escreva por Direitos é inteiramente dedicada a mulheres defensoras de direitos humanos. Vamos trabalhar dez casos, do Brasil ao Quirguistão, e um dos nossos objetivos, além de fazer pressão, denunciar esses abusos e promover mudanças, é também celebrar o papel das mulheres que levantam suas vozes contra as injustiças e lideram processos de transformação.

.

A campanha Escreva por Direitos incentiva a organização de atividades em escolas como parte do processo de formação e conhecimento das pessoas sobre seus próprios direitos, tornando-as informadas sobre a importância da solidariedade e da mobilização na promoção de direitos humanos e nesta edição, a Anistia Internacional vai disponibilizar digitalmente um Guia de Atividades para Educação em Direitos Humanos abordando seis dos 10 casos escolhidos, entre eles o de Marielle Franco.

.

O documento foi elaborado especialmente para uso de profissionais da educação, assistentes sociais e agentes comunitários e pode ser solicitado ao registrar um evento na plataforma da campanha ou através deste formulário.

10 de outubro de 2018 Defensores de direitos humanos Mulheres

Mais Notícias

13 de junho de 2019 | Tortura

Nota Pública: Decreto sobre Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura amplia riscos de institucionalização da tortura no país, afirma Anistia Internacional

Anistia Internacional lança nota pública a respeito do Decreto 9.831, que exonerou os 11 membros do Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura (MNPCT).

7 de junho de 2019 | ___

Vaga: Assessor/a de Comunicação Digital

A Anistia Internacional está buscando uma nova pessoa para integrar a equipe de Campanhas e Comunicação para atuar como Assessor/a de Comunicação Digital.

7 de junho de 2019 | ___

Vaga: Assessor/a de Campanhas

Anistia Internacional está buscando uma nova pessoa para integrar a equipe de Campanhas e Comunicação para atuar como Assessor/a de Campanhas.
Carregar mais notícias