Querida Marielle: cartas de ativistas para Marielle Franco

Gabriela Moscardini
Assistente de Comunicação Anistia Internacional

VER TODOS OS POSTS    

Hábito antigo, mas que sobrevive nas mãos de quem quer passar uma mensagem: fica aqui, registrado, não vão nos calar. Escrever cartas não é somente um ato de afeto, é também de resistência, de solidariedade, de carinho e de luta.

.

Em dezembro de 2018, ativistas do grupo de Salvador realizaram uma atividade da campanha Escreva por Direitos na Universidade Federal da Bahia (UFBA). Durante um dia inteiro, escreveram cartas de solidariedade para a família de Marielle Franco – e algumas também para a própria defensora de direitos humanos e vereadora carioca assassinada em 14 de março de 2018.

.

Marielle Franco lutou sem medo por um Rio de Janeiro mais justo. Ela sempre esteve ao lado de mulheres negras, pessoas LGBTI e da juventude, e trabalhava incansavelmente para pôr um fim às execuções extrajudiciais praticadas por forças de segurança do estado. Até o momento, não há respostas sobre seu assassinato e de seu motorista, Anderson Gomes, que acabou sendo atingido na linha dos tiros.

.

Tentaram silenciar Marielle, mas sua semente brotou. Neste vídeo, ativistas leem as cartas que escreveram para Marielle. Eles, o Brasil e o mundo inteiro querem justiça: quem matou e quem mandou matar Marielle?

.

.

Quer organizar uma atividade da Escreva por Direitos em sua cidade? Acesse o site escrevapordireitos.anistia.org.br e cadastre sua atividade. Na plataforma, você também pode conhecer outras defensoras de direitos humanos que precisam de proteção e justiça para continuar a luta por um mundo mais justo e ainda fazer o download de um e-book com metodologias de educação em direitos humanos.

.

Saiba mais

Junte-se a nós: torne-se um ativista da Anistia Internacional Brasil
Assine a petição Quem matou Marielle? Exija uma resposta!
Conheça a campanha Escreva por Direitos
Onze meses após assassinato de Marielle Franco, há mais dúvidas que certezas e muitas perguntas ainda sem resposta

Gabriela Moscardini
Assistente de Comunicação Anistia Internacional

VER TODOS OS POSTS    
Imprimir

Mais Posts

2 de agosto de 2020 Anistia Internacional Tags: , ,

Proibição de ações policiais teria poupado a vida de João Pedro

É importante refletir sobre quantas vidas poderiam ter sido preservadas se esta medida de suspensão das incursões policiais estivesse em vigor desde o início da pandemia da COVID-19, em março.

24 de julho de 2020 Anistia Internacional Tags: , , ,

Mulheres potentes construíram nossas lutas, mas é preciso ir além

Nossos ombros, nossas mãos, nossos compromissos precisam resultar em melhores condições para todas e não apenas para algumas entre nós. Seguiremos juntas?

12 de julho de 2020 Anistia Internacional

Sociedade civil mobilizada é exemplo de cidadania contra a Covid19

A crise na saúde nos revelou descaso e negligência das autoridades nas diferentes esferas de governo. Mais uma vez, a “velha” desigualdade brasileira, exposta sem constrangimentos.
Ver todos os posts
Junte-se à Anistia

Faça parte desse movimento global.

Faça parte