Anistia Internacional convida para lançamento de seu Relatório Anual

Imprimir
16 de fevereiro de 2017 Segurança pública Política internacional
Protest against mass statelessness in the Dominican Republic

A Anistia Internacional lança na próxima quarta-feira (22) o relatório anual “O Estado dos Direitos Humanos no Mundo 2016-2017″ com pesquisas realizadas em 159 países e territórios. No Brasil, o documento destaca os temas relacionados à segurança pública, defensores e defensoras de direitos humanos e pessoas refugiadas, entre outros.

A cerimônia de lançamento acontecerá no Cine Odeon – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro, no Rio de Janeiro, das 18h às 21h, com o debate ‘Mulheres negras na resistência e mobilização por direitos humanos’. Participam da mesa Jurema Werneck, que assumiu a diretoria executiva da Anistia Internacional Brasil este ano, Djamila Ribeiro, mestre em Filosofia Política pela Unifesp, Marion Gray-Hopkins, ativista e mãe de Gary Hopkins, Jr (19), morto pela polícia nos EUA, Shackelia Jackson, ativista e irmã de Nakiea Jackson (27), morto pela polícia na Jamaica, e Vilma Reis, socióloga e ouvidora geral da Defensoria Pública do Estado da Bahia, com mediação de Sueli Carneiro, integrante do conselho consultivo da Anistia Internacional Brasil, doutora em Educação pela USP e diretora do Geledés Instituto da Mulher Negra. A escritora Ana Paula Lisboa é a mestre de cerimônias da noite.

A entrada é gratuita e o credenciamento começa às 18h. Confirme presença no evento do Facebook.

SERVIÇO

Lançamento do relatório anual da Anistia Internacional ‘O Estado dos Direitos Humanos no Mundo 2016-2017’ + debate ‘Mulheres Negras na Resistência e Mobilização por Direitos Humanos’

Data
22 de fevereiro (quarta-feira)

Horário

18h – Credeciamemento
19h às 21h – Roda de Conversa

Local

Cine Odeon – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro

Endereço

Cinelândia (Praça Floriano, 7 – Centro – Rio de Janeiro/ RJ)

16 de fevereiro de 2017 Segurança pública Política internacional

Mais Notícias

27 de junho de 2017 | Segurança pública

Dez anos depois da Chacina do Pan, moradores do Complexo do Alemão vivem sob violência cotidiana da Polícia

Em 27 de junho de 2007, uma mega operação envolvendo a Polícia Militar e a Força Nacional de Segurança resultou em 19 pessoas mortas e dezenas de outras feridas no Complexo do Alemão no Rio de Janeiro

27 de junho de 2017 | Liberdade de expressão Violência policial

Venezuela: Preso de consciência Leopoldo López denuncia tortura

A Anistia Internacional apela às autoridades venezuelanas que investiguem imediatamente as alegações de tortura feita pelo prisioneiro de consciência Leopoldo López, no dia 23 de junho de 2017.

26 de junho de 2017 | LGBTI Discriminação

Decisão da CEDH expõe a natureza homofóbica da “lei de propaganda gay” russa

Depois que a lei foi declarada discriminatória pela Convenção p/ a Proteção dos Direitos do Homem e das Liberdades Fundamentais na semana, diretor da Anistia diz que a legislação sempre foi homofóbica
Carregar mais notícias