A cada quatro horas, uma pessoa negra é morta em ações policiais em seis estados do Brasil*¹. São mães que perdem seus filhos; são homens, mulheres, crianças e idosos vítimas de violência policial. E o que explica esses dados senão o racismo enraizado na corporação e nas instituições brasileiras?

O Artigo 129, da Constituição Federal de 1988 estipula que é dever do Ministério Público fiscalizar a polícia para que haja transparência, responsabilização de atos ilegais, implementação de melhores práticas e garantia de acesso à reparação aos familiares das vítimas.

Realizado pela Anistia Internacional, o documentário “(Des)Controle – O Ministério Público no Centro das Atenções” busca tornar público e elucidar o papel do MP frente à violência policial, e cobrar para que o órgão  cumpra com seu dever constitucional de reduzir a letalidade e parar esse ciclo de violência.

 

*Estudo “Pele alvo: a cor da violência policial”, feito pela Rede de Observatórios da Segurança.

 

Para assistir o documentário é só preencher o formulário ao lado. Você receberá um link exclusivo de acesso ao player diretamente no seu e-mail (Não é necessário cadastro nem fazer o download de nenhuma plataforma).

Obs. O envio do link de acesso pode levar alguns minutos. Atualize a sua caixa de entrada e não esqueça de checar também a sua caixa de Spam e/ou de e-mails ‘sociais’.  😉

 

Obs.2: Caso você esteja enfrentando dificuldades para obter seu link de acesso, por favor, envie um e-mail para [email protected] .