União Européia: leis Orwellianas de combate ao terrorismo sufocam direitos sob pretexto de defendê-los

País: União Européia
© Alexander Koerner/Getty Images

Centenas de pessoas foram mortas e feridas em violentos ataques de terrorismo na União Europeia em 2015 e 2016. A necessidade de proteger as pessoas de tal violência desenfreada é urgente. Este relatório dá uma visão sobre a segurança nacional e mostra o quão generalizada e profunda a “securitização” da Europa se tornou. Trata-se de oito temas: os estados de emergência, o princípio da legalidade, o direito à privacidade, a liberdade de expressão, o direito à liberdade, a liberdade de circulação, a eliminação da nacionalidade e a proibição de enviar pessoas para lugares onde correm o risco de serem torturadas.

**Relatório em Inglês

MAIS RELATÓRIOS

Quênia: Matem esses criminosos: violações das forças de segurança nas eleições quenianas de agosto de 2017

O relatório documenta como depois de manifestações contrárias à posse do presidente, a polícia do Quênia fez uso excessivo da força para reprimir. Somente em Nairobi pelo menos 33 pessoas foram mortas

Peru: Estado tóxico: violações de direito à saúde dos povos indígenas em Cuninico e Espinar

O governo peruano não está atendendo a saúde de centenas de pessoas indígenas cujas únicas fontes de água estão contaminadas com metais tóxicos e que sofrem com a falta de acesso a uma saúde adequada.

O próximo Secretário Geral da Anistia Internacional pode ser você!

Este cargo representa a oportunidade de tornar-se nosso principal dirigente como Secretário Geral do maior e mais influente movimento pelos direitos humanos em todo o mundo.
Mais publicações
Informes Anuais

A cada ano, um resumo do estado dos direitos humanos em centenas de países.

Saiba mais
Frentes de atuação

Descubra nossas formas de atuação e junte-se a nós na defesa dos direitos humanos!

Saiba mais