Guia para proteger os direitos das mulheres e meninas durante a pandemia da Covid-19

Região: Américas

É essencial que as respostas dos Estados das Américas à pandemia da Covid-19 levem em consideração os riscos específicos enfrentados por mulheres e meninas na região e incorporem medidas diferenciadas para garantir que a pandemia não aumente ainda mais as desigualdades e as vulnerabilidades existentes.

A Anistia Internacional, o Women’s Link Worldwide e a Federação Internacional de Planejamento Familiar/Região do Hemisfério Ocidental (IPPF/WHR) publicaram um relatório com uma série de recomendações para os Estados da região que vão servir de roteiro para as autoridades de cada país e os diferentes poderes públicos, à nível nacional ou local, sobre suas obrigações em direitos humanos envolvendo a proteção dos direitos das mulheres e meninas durante a pandemia.

>> Relatório em espanhol. Para ter acesso ao documento em inglês, clique aqui.

MAIS RELATÓRIOS

O custo da cura: direitos dos profissionais de saúde nas Américas durante a pandemia da COVID-19 e depois

Relatório documenta como profissionais na linha de frente da pandemia geralmente trabalham em condições inseguras.

Os Estados do mundo inteiro devem proteger defensores e defensoras de direitos humanos

Defensores e defensoras de direitos humanos são mais importantes do que nunca na nossa luta para vencer a pandemia da COVID-19 e assegurar que ninguém fique para trás.

Relatório Anual: Pena de Morte em 2019

Relatório da Anistia Internacional sobre a pena de morte em 2019 apresenta uma revisão global no tema.
Mais publicações
Informes Anuais

A cada ano, um resumo do estado dos direitos humanos em centenas de países.

Saiba mais
Frentes de atuação

Descubra nossas formas de atuação e junte-se a nós na defesa dos direitos humanos!

Saiba mais