Determinação e resistência: cúpula marca os 20 anos da Declaração de Defensores de Direitos Humanos

Guadalupe Marengo
Chefe do Programa Global de Defensores de Direitos Humanos

VER TODOS OS POSTS    

Tags: ,

Por Guadalupe Marengo, Chefe do Programa Global de Defensores de Direitos Humanos. em 23 de julho de 2018

Tenho o prazer de anunciar que juntamente com a AWID (Associação pelos Direitos das Mulheres e o Desenvolvimento), ISHR (Serviço Internacional para Direitos Humanos), ProtectDefenders.eu e seus membros da diretoria, FIDH (Federação Internacional de Direitos Humanos), Front Line Defenders, Repórteres sem Fronteiras e OMCT (Organização Mundial Contra a Tortura), estaremos promovendo a segunda Cúpula Mundial de Defensores de Direitos Humanos 2018, nos dias 29, 30 e 31 de outubro em Paris. A cúpula reunirá dezenas de defensoras e defensores de direitos humanos de todo o mundo para três dias de reuniões, painéis de discussão, networking e workshops. Teremos a oportunidade de nos conectar, trabalhar e debater juntos e nos engajar com líderes globais de governos, das Nações Unidas e do setor privado.

.

Vinte anos atrás, realizamos a primeira Cúpula Mundial de Defensores de Direitos Humanos em Paris para celebrar a adoção por consenso da Declaração da ONU sobre Defensores de Direitos Humanos. Neste 20º aniversário, celebraremos o que foi alcançado desde que a comunidade internacional decidiu que reconhecer e proteger os defensores dos direitos humanos era fundamental para garantir que todos, em toda parte, desfrutassem de seus direitos humanos.

.

Também discutiremos e proporemos o que precisa ser feito para as próximas décadas. Os direitos humanos estão em uma encruzilhada. Em vez de cumprir seus compromissos de proteger e promover os direitos humanos e aqueles que os defendem, os governos estão dando as costas à solidariedade e à justiça. Alguns líderes até se orgulham de violar os direitos humanos e estão combatendo abertamente aqueles que ousam, com coragem, defender o que é certo. Como resultado, o movimento de defensoras e defensores de direitos humanos é hoje confrontado com perseguição e repressão em uma escala sem precedentes. Esta segunda Cúpula Mundial de Defensores de Direitos Humanos será uma oportunidade de ouro para discutir e propor o que é necessário ser feito para criar um ambiente mais propício aos direitos humanos em todo o mundo nas próximas décadas.

.

Enquanto os preparativos para a Cúpula estão em andamento, você pode conferir o site do evento. Você também pode curtir nossa página no Facebook ou nos seguir no Twitter para atualizações.

.

Dê uma olhada e descubra como você pode se envolver e fique de olho para atualizações.

.

Se você é um defensor ou defensora de direitos humanos e gostaria de fazer parte deste encontro internacional e construir as estratégias e ações para garantir que vivamos em um ambiente favorável aos direitos humanos para todos, inscreva-se aqui.

.

Estou ansiosa para compartilhar os resultados da Cúpula.

.

Guadalupe Marengo, Chefe do Programa Global de Defensores de Direitos Humanos

.

Saiba mais

Conheça a campanha BRAVE – CORAGEM

O que são Direitos Humanos?

Guadalupe Marengo
Chefe do Programa Global de Defensores de Direitos Humanos

VER TODOS OS POSTS    
Imprimir

Mais Posts

19 de dezembro de 2018 Anistia Internacional Tags: , ,

Os direitos humanos venceram neste ano

No último ano, quase sete milhões de apoiadores da Anistia Internacional se mobilizaram para defender e promover os direitos humanos em todos os lugares.

18 de dezembro de 2018 Anistia Internacional Tags: , , ,

O que são direitos humanos?

O que são direitos humanos? Saiba o que 11 defensoras e defensores de direitos humanos respondem sobre a pergunta.

18 de dezembro de 2018 Anistia Internacional Tags: ,

Sem Marielle mas não só

Marielle não está mais entre nós, mas segue presente em nossas vidas.
Ver todos os posts
Seja um Defensor
da Liberdade
Doe agora